Pular para o conteúdo principal

Promessa dos 5 primeiros sábados nas cartas da Irmã Lúcia

JMJ Tuy, 29 / V / 1930 
Reverendo Senhor,

O que me parece se ter passado entre Deus e minha alma a respeito da devoção reparadora do Imaculado Coração de Maria e da perseguição da Rússia. 
Parece-me que o Deus bom  no fundo do meu coração está comigo para que peça ao Santo Padre a aprovação da devoção reparadora que o próprio Deus e a Santíssima Virgem se dignaram pedir em 1925: para de atenção a esta pequena devoção dar a graça do perdão às almas que tiveram a desgraça de ofender o Imaculado Coração de Maria prometendo a Santíssima Virgem ás almas que do seguinte modo a procuram reparar assistir-lhes á hora da morte com todas as graças necessárias para se salvarem.

A devoção consiste em durante 5 meses seguido no primeiro sábado, receber a Sagrada Comunhão, rezar um Terço, e fazer 15 minutos de companhia a Nossa Senhora meditando nos mistérios do Rosário e fazer uma confissão com o mesmo fim. Esta poder-se-á fazer noutro dia.  

Se não me engano, o Deus bom promete terminar à perseguição na Rússia se o Santo Padre se dignar fazer e mandar que façam igualmente os bispos do mundo católico um solene e público acto de reparação e consagração da Rússia aos Santíssimos Corações de Jesus e Maria, prometendo Sua Santidade mediante o fim d’esta perseguição aprovar e recomendar a prática da já indicada devoção reparadora. 
Declaro recear muitíssimo enganar-me e o motivo d’esse receio é  por não ter visto Nosso Senhor, mas só sentido a sua Divina presença. Quanto à repugnância que sinto em dizer isto à Reverenda Madre Superiora, não bem donde procede. Parte, será talvez do receio que tenho de que sua Reverência irá desaprovar tudo isto ou dizer que é uma ilusão, uma sugestão do demônio e coisas assim d’este gênero.

Beijo respeitosamente beijo a mão de V. Reverência.

JMJ 12/6/1930 
Reverendo Senhor,
Depois de implorar a assistência dos Santíssimos Corações de Jesus e Maria, vou quanto me for possível responder as perguntas de sua Reverência. 
No tocante à devoção dos cinco sábados:
1.       Quando? A 10-12-1923. Como? Aparecendo me Nosso Senhor e da Santíssima Virgem mostrando me o seu Imaculado Coração cercado de espinhos pedindo reparação. Onde? Pontevedra (Travessa de Isabel II), a primeira aparição no meu quarto a segunda junto do portão da quinta, onde andava a trabalhar.
2.       Condições? Durante 5 meses ao primeiro sábado, receber a Sagrada Comunhão, rezar o Terço, fazer 15 minutos de companhia a Nossa Senhora meditando nos mistérios do Rosário e fazer uma confissão com o mesmo fim. Esta pode se há fazer em outro dia contando que ao receber a Sagrada Comunhão se esteja em graça. 
3.       Vantagens ou promessa. As almas que d’este modo me procurarem desagravar (fala Nossa Senhora) prometo assistir lhes á hora da morte com todas as graças necessárias para a salvação. 
4.       Por que hão de ser 5 sábados e não 9 ou 7 em honra das dores de Nossa Senhora. Ficando na Capela com Nosso Senhor parte da noite do dia 29 para 30 d’este mês de maio 1930, e falando a Nosso Senhor das duas perguntas 4º e 5º senti me de repente, possuída mais intimamente  da Divina presença e se não me engano, foi me revelado o seguinte: Minha filha o motivo é simples, são cinco as espécies de ofensas e blasfêmias, proferidas contra o Imaculado Coração de Maria. 1º As blasfêmias contra a Imaculada Conceição. 2º Contra a sua Virgindade. 3º  Contra a Maternidade Divina, recusando ao mesmo tempo recebe-la como a Mãe dos homens. 4º Os que procuram publicamente infundir nos corações das crianças, a indiferença, o desprezo e até o ódio para com esta Imaculada Mãe. 5º Os que a ultrajam directamente nas suas Sagradas Imagens. Eis minha filha o motivo pelo qual o Imaculado Coração de Maria me levou a pedir esta pequena reparação e de atenção a Ela, mover a minha misericórdia ao perdão, para com essas almas que tiveram a desgraça de a ofender. Quanto a ti procura sem recear com tuas orações e sacrifícios mover me a misericórdia para com essas pobres almas.
5.       E quem não pode cumprir com todas as condições no sábado não satisfará com os domingos? Será igualmente aceita a prática d’esta devoção no domingo seguinte ao 1º sábado quando os meus Sacerdotes por justos motivos assim o concederem as almas.
6.       Com relação a Rússia se não me engano o nosso bom Deus, promete terminar a perseguição na Rússia, se o Santo Padre se dignar fazer e mandar que o façam igualmente os Bispos do mundo Católico, num solene e público acto de reparação e consagração da Rússia aos Santíssimos Corações de Jesus e Maria, prometendo Sua Santidade mediante o fim d’esta perseguição aprovar e recomendar a prática da devoção reparadora.






Faça uma doação via PIX: confraternidadedorosario@gmail.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Dogma da Imaculada Conceição - IMPORTANTE!

Bula "Ineffabilis Deus" - Dogma da Imaculada Conceição, Papa Pio IX  Posição e privilégios de Maria nos desígnios de Deus 1. Deus inefável, "cuja conduta toda é bondade e fidelidade", cuja vontade é onipotente, e cuja sabedoria "se estende com poder de um extremo ao outro (do mundo), e tudo governa com bondade", tendo previsto desde toda a eternidade a triste ruína de todo o gênero humano que derivaria do pecado de Adão, com desígnio oculto aos séculos, decretou realizar a obra primitiva da sua bondade com um mistério ainda mais profundo, mediante a Encarnação do Verbo. Porque, induzido ao pecado — contra o propósito da divina misericórdia — pela astúcia e pela malícia do demônio, o homem não devia mais perecer; antes, a queda da natureza do primeiro Adão devia ser reparada com melhor fortuna no segundo. 2. Assim Deus, desde o princ í pio e antes dos s é culos, escolheu e pr é -ordenou para seu Filho uma M ã e, na qual Ele se encarnaria, e d

O Rosário de Nossa Senhora

INGRUENTIUM MALORUM DO SUMO PONTÍFICE PAPA PIO XII SOBRE A RECITAÇÃO DO ROSÁRIO  INTRODUÇÃO 1. Nunca, desde que, por desígnio da divina Providência, fomos elevados à suprema cátedra de Pedro, à vista das ameaças do mal, deixamos de contar ao seguro patrocínio da Mãe de Deus a sorte da família humana, tendo publicado, como bem sabeis, por mais de uma vez, cartas de exortação a este propósito. É patente, veneráveis irmãos, com quanto empenho, entusiasmo e união de almas, o povo cristão tenha correspondido às nossas exortações por toda a parte. Assim o têm esplendidamente mostrado, repetidas vezes, os grandiosos espetáculos de fé e de amor para com a augusta Rainha do Céu, principalmente aquela manifestação de alegria universal que nos foi dado, por assim dizer, contemplar com os nossos olhos, quando, no ano passado, circundados de inúmera multidão, proclamamos solenemente, da Praça de São Pedro, a assunção da virgem Maria em corpo e alma ao Céu.

Adeste Fideles

https://linktr.ee/confraternidadedorosario   Adeste, Fideles Adeste fideles laeti triumphantes Venite, venite in Bethlehem Natum videte regem angelorum Venite, adoremus Venite, adoremus Venite, adoremus, Dominum! Deum de Deo, lumen de lumine Gestant puellae viscera Deum verum, genitum non factum Venite, adoremus Venite, adoremus Venite, adoremus, Dominum! (Cantet nunc io chorus angelorum Cantet nunc aula caelestium) Gloria in excelsis Deo! Venite, adoremus Venite, adoremus Venite, adoremus, Dominum! Venham, Fiéis Vinde,fiéis, alegres e triunfantes Vinde, vinde para Belém! Vede o nascido, rei dos anjos Vinde, adoremos Vinde, adoremos Vinde, adoremos o Senhor Deus de Deus, luz de luz Lhe gestam entranhas de menina Deus verdadeiro, gerado, não criado Vinde, adoremos Vinda, adoremos Vinde, adoremos o Senhor (Cante agora o refrão dos anjos E cantam a corte celestial) "Glória a Deus nas alturas!" Vinde, adoremos Vinda, adoremos Vinde, adoremos